Buscar
  • Fernando Kimura

Marketing e resistência em tempos pandêmicos.

Atualizado: Set 30

Já se passa mais de 1 ano e meio que estamos convivendo com os desafios da pandemia mundialmente, em meio a estes tempos a criatividade, replanejamento, fizeram parte das campanhas de marketing e comunicação.


Por um lado muitas empresas tiveram que adaptar seus planos e estratégias, muitas vezes não conseguindo executar da maneira previamente desenhada em 2019 nem mesmo em 2020/21.


Por outra lado algumas empresas encontraram saídas criativas para um momento tão complexo, e isso que eu gostaria de compartilhar um pouco aqui neste post.


A Heineken direcionou investimentos e mídias pela cidade de Buenos Aires para frente de bares que foram fechados durante a pandemia, devido as restrições, de alguma forma gerando oportunidade para este espaços que não puderam funcionar.

A ideia foi tão boa que várias outras cervejarias replicaram.


Em São Paulo com as restrições o minhocão passou a receber bancos, permitindo maior conforto para os frequentadores durante caminhada pelo espaço, um convite a um saída para um local aberto, sem aglomerações mas com um pouco mais de conforto.

Esses tempos reforçam um tema pré pandemia a experiência dos clientes, este ponto que devemos observar com maior atenção hoje, para conseguir convidar e conquistar clientes através da experiência e neste sentido.


Pude visitar alguns lugares que certamente a experiência em estar neste local é super especial, um desde é o Bar Dos Arcos, um Bar no subsolo do Teatro Municipal de SP, um projeto de 2019, que passou pelos desafios/restrições de 2020 e agora começa a reabrir com as restrições e tem tudo para se posicionar como um dos melhores espaços de SP, vale conferir o vídeo que gravei desde a entrada a chegada na mesa, sentirão a experiência de como é chegar neste espaço ÚNICO.

Acolhimento, este é um ponto importante em todos os momentos é atemporal, mas convenhamos consumidores estão distantes de seus amigos, das famílias, ficamos isolados, e ser acolhido é uma maneira de encantar o consumidor.


Acolher o cliente pode estar em um sorriso, atenção, saber escutar, ter calma, compreensão, carinho, reciprocidade, empatia... mas existem empresas que vão além disso e gostaria de compartilhar uma empresa aqui em SP que em meio a estes tempos resiste com as restrições e seu formato de negócio estratégia e público sinalizam que a estratégia pode estar mais que correta.

Conheça a Castro Burguer, localizada na Vila Mariana, uma hamburgueria com a temática LBGTQIA+ que não é somente uma hamburgueria, eles são um espaço de acolhimento, de conversas, de encontros, apoio, de arte, de impulsionar a economia criativa LGBTQIA+, aqui as discussões vão além dos pratos, sobremesas e drinks que aliás são uma delícia, eles são prova da resistência dos negócios neste tempos, além de construírem um espaço com muita experiência.

Assim a cidade vai se retransformando em meio aos milhares de espaços que fecharam em SP, novos espaços estão surgindo, dando espaço a ideias novas, ou espaços colaborados, muito triste para os que não conseguiram se manter nestes tempos, mas ao mesmo tempo uma luz com os espaços que começam a ressurgir ou conseguiram se manter.


Os teatros seguem fechados, feiras, eventos, shows, congressos, casamentos, festas, estes eventos geram muito movimento na cidade, desde turismo, hotelaria, restaurantes, compras, passeios, ao poucos percebemos os turistas em algumas regiões ou equipamentos turísticos um sinal positivo para este retorno importante a SP.


Se puder fechar esta postagem com uma das exposições que visitei nestes tempos, uma das que mais me chamou atenção foi a exposição Jardim das Maravilhas de Miro no Farol Santander, totalmente imersiva e interativa, uma experiência em um simples visita a uma exposição:


Observando estes pontos precisamos para este retorno de contato com os clientes, observar suas necessidades, saber acolher, olhar olho no olho, conversar, compreender, não somente com os clientes mas tb com times das empresas, ficamos distantes, estamos mais sensíveis. Precisamos reavaliar as estratégias pensar, observar o que outros fizeram, o que o se alterou no mundo nestes períodos pandêmicos, e o que mudou em nós.


Resistimos até aqui, agora precisamos sentar e repensar daqui pra frente, os valores, o que queremos, como, pq, de que forma, é hora de pensar e colocar em prática o que vc quer para sua carreira ou deseja para seu produto/empresa, vale aqui um exercício para todos.


Vamos olhar para o pós pandemia e o marketing, para onde queremos ir?




19 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo